Arquivos de Categoria: Sorocaba

Gastos com Unidades Hospitalares são averiguados por Irineu Toledo

O vereador Irineu Toledo (PRB) está pedindo à Prefeitura de Sorocaba, por meio de requerimento, que informe os valores que disponibiliza para a manutenção das Unidades Pré-Hospitalares (UPH’s) das Zonas Oeste e Norte do município. As informações, conforme solicita o parlamentar, devem ser detalhadas em planilhas de gastos mensais, com valores dispendidos com funcionários, insumos, […]

Irineu Toledo esclarece nota de jornal sobre projeto de isenção de IPTU

Diferentemente do que foi publicado pelo jornal Cruzeiro do Sul, a lei que isenta aposentados e pensionistas do pagamento do IPTU não foi de autoria de Irineu. “O que eu propus – e foi aprovado pela Câmara – é incluir neste benefício os deficientes e idosos que recebem recursos pela Loas e que, até então, eram excluídos da isenção”, esclareceu o republicano.

À frente de CPI, Irineu Toledo investiga novas irregularidades do programa “Sorocaba Total”

As obras do programa ‘Sorocaba Total’ representaram um investimento de aproximadamente U$S 92 milhões adquiridos por meio de empréstimo internacional. Embora nenhumas das obras tenham sido concluídas, o valor total adquirido já foi gasto. O déficit da prefeitura, porém, não acaba por aí.

Irineu Toledo questiona exploração de recursos minerais em Sorocaba

O vereador Irineu Toledo (PRB) tem se preocupado com a exploração dos recursos minerais em Sorocaba, e busca saber se as empresas que atuam no setor cumprem todas as exigências legais, como o recolhimento dos tributos, a exemplo da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM). Segundo o parlamentar, essa preocupação partiu de munícipes que o procuraram.

Irineu Toledo questiona demora no atendimento médico em Sorocaba

O vereador Irineu Toledo (PRB) enviou um requerimento à Secretária da Saúde em Sorocaba questionando a demora no atendimento médico especializado. Em resposta, o Secretário da Saúde, Armando Raggio, comunicou que ao menos 32.243 pessoas aguardam para serem atendidos nas unidades básicas de saúde. “É um número muito expressivo e essa demora no atendimento sujeita os pacientes a um risco extremado”, afirma Irineu.